domingo, 7 de março de 2010

Uns mais bonitos que os outros.

furacão catarina Olha,eu não sou bobo,quer dizer,eu sou bobo,mas não muito bobo.Quer dizer,eu sou bobo,mas não sou idiota.E como diz o grande poeta (piffff)Chorão, “Eu nasci pobre,mas não nasci otário”.

Eu sei mais ou menos como as coisas funcionam.Porque tipo,se eu sou chefe de alguma coisa meus subordinados vão fazer de tudo para me impressionar né?Mas esses mesmos subordinados também vão ter que fazer o serviço direitinho,eu estando olhando ou não.Porque senão vai ser demitido amiguinho,que eu sou chefe,não sou bonzinho,nasci pobre mas não nasci otário etc…

Vamos aqui admitir que a Vereadora Romanna Remor é bonita,mais bonita que eu,aliás muito mais bonita que eu.E é competente ainda por cima,inteligente que só ela,vai ser eleita Deputada Federal e tudo.Coitada,vai lá pra Brasília no meio daquele monte de bandido.Muito perigoso Romanna,não vai não.

Mas ali na Mina 4 (bairro pobre de Criciúma) também tem gente bonita.Tem sim,que eu vi uma vez.Tinha uma loirinha,coisa mais linda,corpinho rapaz,tinha que ver que espetáculo.E eu nem sou tão feio assim,também mereço uns regalos de vez em quando.

Porque dizem que essa noite chega mais um furacão aqui na cidade,vem aqui visitar o túmulo do irmão dele que morreu por aqui a uns anos atrás.Então a defesa civil da cidade foi lá no prédio da vereadora informar que o furacão poderia,talvez,quem sabe,em uma hipótese remota chegar por aqui e…Bah,mas a Romanna é uma pessoa hiper bem informada,tem acesso a internet,mora em uma das regiões mais seguras da cidade.Tudo bem,ela é chefe dos caras,mas vão puxar o saco assim lá na casa do Austregésilo de Ataíde.

Vão avisar sobre o furação nas favelas da cidade,qualquer ventinho que dá por aqui aqueles barracos já caem,imagina com um furacão.Tem que avisar nos bairros ricos sim,se der tempo,mas primeiro nos bairros pobres,onde tem gente que nem sabe que vai chover,quanto mais que vai cair um temporal.Os caras estão lá,no bem bom,tirando um bicho de pé e bum,cai tudo.

E se vierem aqui em casa eu também não reclamo,não sou favelado,tenho acesso a informação,mas nunca vi alguém do poder público bater na minha porta para o que quer que seja.Só para cobrar os impostos atrasados talvez.

E que venha o furacão,que esse eu vou matar no peito e botar pra correr.

11 comentários:

  1. Cara, tu citas tanto a Romanna no teu blog q acho q ela anda te pagando um jabá.....

    ResponderExcluir
  2. Tá tudo errado. o blog tá errado e indo na contramão de sua história feiófoba. Não tem nada que avisar as feias. E o contrário é verdadeiro, salvem as bonitas.

    ResponderExcluir
  3. Muito esclarecedor Zeca Pedra...
    agora entendi pq ninguém veio me avisar sobre o furacão!
    Abafa!

    ResponderExcluir
  4. estou meio bêbado. mas pelo que eu entendi. tem que salvar as gatas primeiro, depoiso as gostosas. depois o resto...
    tô certo>:?

    ResponderExcluir
  5. foda,minha sorte que eu também tenho acesso a internet huauhahuah

    Nunca visse um furacão? é esperar pra ver,é hoojee..

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Aqui no Espírito Santo não tem furacão, mas houve um episódio de terremoto.

    Não exatamente um 'terremoto'. Lá em Vitória tava tendo uma festa - acho que rave, e som tava alto demais. Tão alto que os prédios balançaram e o povo desceu, pensando que 2012 tinha chegado mais cedo.

    É, ainda bem que não sou capixaba de verdade.

    Beeeijo!

    ResponderExcluir
  10. E depois ela disse que te adora... (por incrível q pareça)

    eu vi, eu vi, tava lá no Twitter =)

    ResponderExcluir
  11. hahahahaha.... Chicuta, na verdade é o Imperador (oops, quero dizer, o Prefeito) que é o chefe da Defesa Civil. Eu só perturbei por meses para que estruturassem decentemente a Defesa Civil, e como sou a vereadora mais chatinha e cricri, quem sabe quiseram mostrar serviço para eu não "pegar no pé"..

    ResponderExcluir

Fala que eu te escuto.